Actualizar o FreeBSD

Qualquer sistema operativo deve estar sempre actualizado para minimizar as hipóteses de conter problemas de segurança.

Existem várias formas de actualização do FreeBSD: re-compilar a partir do código fonte, actualizações binárias parciais (apenas disponíveis a partir da versão 8.0) e re-instalação completa de uma nova versão.

Neste artigo, concentrar-me-ei em explicar como se actualiza o FreeBSD a partir do código fonte. Esta é a melhor opção, apesar de ser a que demora mais tempo, mas ficamos com um sistema optimizado para o hardware onde será compilado.

O primeiro passo consiste em actualizar os ficheiros fonte do sistema. Numa instalação normal do FreeBSD, estes ficheiros estão todos contidos no directório /usr/src. Esta actualização é normalmente efectuada com o comando cvsup. No directório /usr/share/examples/cvsup podem-se encontrar exemplos para os vários repositórios CVSup existentes. O ficheiro correspondente ao código fonte do sistema é o stable-supfile. A invocação deste comando é feita como cvsup -L 2 -g stable-supfile.

Depois do código fonte instalado, basta executar os seguintes comandos:

cd /usr/src
make -j4 buildworld
make buildkernel
make installkernel
mergemaster -p
make installworld
mergemaster
shutdown -r now

Caso se disponha de um configuração customizada para o kernel, especifica-se essa configuração com a opção KERNCONF=<configuração>, nas linhas referentes ao kernel.

O comando mergemaster serve para integrar as diferenças entre os ficheiros de configuração instalados por defeito e quaisquer modificações feitas pelo administrador do sistema.

Depois disto, ficaremos com o sistema base actualizado. Qualquer software instalado através do sistema de ports ou packages terá que ser actualizado à parte.

Esta entrada foi publicada em Administração, FreeBSD. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *